12.2. udev e uevents de kernel

As informações de dispositivo necessárias são exportadas pelo sistema de arquivos sysfs. Para cada dispositivo detectado e inicializado pelo kernel, um diretório com o nome do dispositivo é criado. Ele contém arquivos de atributos com propriedades específicas do dispositivo. Sempre que um dispositivo é adicionado ou removido, o kernel envia um uevent para notificar o udev da mudança.

O daemon udev lê e analisa todas as regras fornecidas dos arquivos /etc/udev/rules.d/*.rules uma vez na inicialização e mantém essas regras na memória. Se arquivos de regras forem modificados, adicionados ou removidos, o daemon receberá um evento e atualizará a representação das regras na memória.

Cada evento recebido é comparado com o conjunto de regras fornecido. As regras podem adicionar ou modificar chaves de ambiente de eventos, solicitar um nome específico a ser criado pelo nó do evento, adicionar symlinks apontando para o nó ou adicionar programas a serem executados após a criação do nó do dispositivo. Os uevents centrais do driver são recebidos de um soquete de netlink de kernel.