33.2. APM

Algumas das funções de economia de energia são realizadas pelo próprio BIOS do APM. Em muitos laptops, os estados standby e suspender podem ser ativados com combinações de tecla ou fechando a tampa sem qualquer função especial do sistema operacional. No entanto, para ativar esses modos com um comando, algumas ações devem ser acionadas antes que o sistema seja suspenso. Para visualizar o nível de carga da bateria, são necessários pacotes especiais de programa e um kernel adequado.

Os kernels do SUSE Linux têm suporte de APM interno. No entanto, APM só é ativado se ACPI não estiver implementada no BIOS e for detectado um BIOS de APM. Para ativar o suporte APM, ACPI deve ser desativado com acpi=off no prompt de inicialização. Digite cat /proc/apm para verificar se APM está ativo. Uma saída composta de vários números indica que tudo está OK. Você agora poderá desligar o computador com o comando shutdown -h.

As implementações do BIOS que não forem totalmente compatíveis com o padrão poderão provocar problemas com APM. Alguns problemas poderão ser contornados com parâmetros de boot especiais. Todos os parâmetros são digitados no prompt da inicialização na forma de apm=parâmetro. parâmetro é um de:

ativar ou desativar

Habilitar ou desabilitar suporte APM.

(no-)allow-ints

Permitir interrupções durante a execução das funções do BIOS

(no-)broken-psr

A função “GetPowerStatus” do BIOS não funciona corretamente.

(no-)realmode-power-off

Redefina o processador para o modo real antes de desligar.

(no-)debug

Registre os eventos APM no registro do sistema.

(no-)realmode-power-off

Desligue o sistema após o encerramento.

bounce-interval=n

Tempo em centésimos de segundo após um evento suspenso durante o qual os eventos suspensos adicionais são ignorados.

idle-threshold=n

Porcentagem de inatividade do sistema na qual a função do BIOSidle é executada (0=sempre, 100=nunca).

idle-period=n

Tempo em centésimos de segundo após o qual a atividade do sistema é medida.

O daemon APM (apmd) não é mais usado. A sua funcionalidade agora é tratada pela nova economia de energia, que também suporta ACPI e fornece vários outros recursos.