1.2. Configurando o servidor que mantém as fontes de instalação

Dependendo do sistema operacional executado na máquina a ser usada como fonte de instalação em rede para o SUSE Linux, há várias opções para a configuração do servidor. A maneira mais fácil de configurar um servidor de instalação é usar o YaST no SUSE LINUX Enterprise Server 9 ou SUSE Linux 9.3 e superior. Em outras versão do SUSE LINUX Enterprise Server ou do SUSE Linux, configure a fonte de instalação manualmente.

[Tip]Dica

Você pode usar uma máquina Microsoft Windows como servidor de instalação para a distribuição do Linux. Consulte a Seção 1.2.5, “Gerenciando uma fonte de instalação SMB” para obter detalhes.

1.2.1. Configurando um servidor de instalação usando YaST

O YaST oferece uma ferramenta gráfica para criar fontes de instalação em rede. Ele possui suporte a servidores de instalação em rede HTTP, FTP e NFS.

  1. Efetue login como root na máquina que deverá atuar como servidor de instalação.

  2. Inicie YaST+Diversos+Servidor de Instalação.

  3. Selecione Configuração de Servidor.

  4. Selecione o tipo de servidor (HTTP, FTP ou NFS).

    O serviço de servidor selecionado é iniciado automaticamente toda vez que o sistema inicializa. Se um serviço do tipo selecionado já estiver em execução no seu sistema e você quiser configurá-lo manualmente para o servidor, desative a configuração automática do serviço de servidor com Não configure serviços de rede. Em ambos os casos, defina o diretório em que os dados da instalação devem estar disponíveis no servidor.

  5. Configure o tipo de servidor necessário.

    Esta etapa refere-se à configuração automática dos serviços de servidor. Ela é ignorada quando a configuração automática está desativada. Defina um álias para o diretório raiz do servidor FTP ou HTTP no qual os dados de instalação devem ser encontrados. A fonte de instalação posteriormente estará localizada em ftp://IP do servidor/Álias/Nome (FTP) ou em http://IP do servidor/Álias/Nome (HTTP). Nome significa o nome da fonte de instalação, que é definida na etapa seguinte. Se você selecionou NFS na etapa anterior, defina curingas e opções de exportações. O servidor NFS estará disponível em nfs://IP do servidor/Nome. Detalhes sobre NFS e exportações são encontrados no Capítulo 22, Compartilhando sistemas de arquivos com o NFS.

  6. Configure a fonte de instalação.

    Antes que as mídias de instalação sejam copiadas para seu destino, defina o nome da fonte de instalação (de preferência, uma abreviação fácil de ser lembrada do produto e da versão). O YaST permite fornecer imagens ISO da mídia em vez de cópias dos CDs de instalação. Se desejar, ative a caixa de seleção relevante e especifique o caminho de diretório no qual os arquivos ISO podem ser encontrados localmente. Dependendo do produto a distribuir usando este servidor de instalação, talvez sejam necessários mais CDs de expansão ou CDs de service pack para instalar o produto completamente. Se você ativar Solicitar CDs adicionais, o YaST o lembrará automaticamente de fornecer essas mídias. Para anunciar o servidor de instalação na rede por OpenSLP, ative a opção adequada.

    [Tip]Dica

    Considere anunciar a sua fonte de instalação por OpenSLP se a sua configuração de rede for compatível com esta opção. Isto o livra de digitar o caminho de instalação da rede em todas as máquinas de destino. Os sistemas de destino, inicializados com a opção de inicialização SLP, encontrarão a fonte de instalação de rede sem outras configurações. Para obter detalhes sobre esta opção, consulte a Seção 1.4, “Inicializando o sistema de destino para instalação”.

  7. Faça o upload dos dados de instalação.

    A etapa mais longa da configuração de um servidor de instalação é copiar os CDs de instalação. Insira a mídia na seqüência solicitada pelo YaST e aguarde o término do procedimento de cópia. Quando as fontes tiverem sido completamente copiadas, volte para a visão geral das fontes de informações existentes e feche a configuração selecionando Concluir.

    O seu servidor de instalação agora está totalmente configurado e pronto para serviço. Ele é inicializado automaticamente toda vez que o sistema é iniciado. Nenhuma outra intervenção é necessária. Você precisa apenas configurar e inicializar este serviço de forma correta e manualmente se tiver desativado a configuração automática do serviço de rede selecionado com YaST como etapa inicial.

Para desativar uma fonte de instalação, selecione Mudar na visão geral para chegar a uma lista de todas as fontes de instalação disponíveis. Escolha a entrada para remover e selecione Apagar. Este procedimento de exclusão só diz respeito à desativação do serviço de servidor. Os dados de instalação em si permanecem no diretório escolhido. No entanto, você pode removê-lo manualmente.

Se o seu servidor de instalação fornecer os dados de instalação para mais de um produto da versão de produto, inicie o módulo de servidor de instalação YaST e selecione Configurar na visão geral das fontes de instalação existentes para configurar a nova fonte de instalação.

1.2.2. Configuração manual de uma fonte de instalação NFS

A configuração de uma fonte NFS para instalação é feita basicamente em duas etapas. Na primeira etapa, crie a estrutura de diretório que manterá os dados de instalação e copie a mídia de instalação nessa estrutura. Em seguida, exporte o diretório que manterá os dados de instalação para a rede.

Para criar um diretório para manter os dados de instalação, proceda da seguinte maneira:

  1. Efetue login como Root.

  2. Crie um diretório que posteriormente manterá todos os dados de instalações e vá até ele. Por exemplo:

    mkdir install/produto/versão_do_produto
    cd install/produto/versão_do_produto

    Substitua produto por uma abreviação do nome do produto (neste caso, SUSE Linux) e versão_do_produto por uma string que contenha o nome e a versão do produto.

  3. Para cada CD contido no kit de mídia, execute os seguintes comandos:

    1. Copie todo o conteúdo do CD de instalação para o diretório do servidor de instalação:

      cp -a /media/caminho_unidade_de_CD-ROM .

      Substitua caminho_unidade_de_CD-ROM pelo caminho real no qual está endereçada sua unidade de CD ou DVD. Dependendo do tipo de unidade usado no seu sistema, as opções são cdrom, cdrecorder, dvd ou dvdrecorder.

    2. Renomeie o diretório com o número do CD:

      mv caminho_unidade_de_CD-ROM CDx

      Substitua x pelo número real do seu CD.

Para exportar as fontes de instalação por NFS usando YaST, proceda da seguinte maneira:

  1. Efetue login como Root.

  2. Inicie YaST+Serviços de Rede+Servidor NFS.

  3. Selecione Iniciar Servidor NFS e Abrir Porta no Firewall e clique em Próximo.

  4. Selecione Adicionar Diretório e digite o caminho do diretório que mantém os dados de instalação. Neste caso, é /versão_do_produto.

  5. Selecione Adicionar Host e digite os nomes de host das máquinas para as quais exportar os dados de instalação. Em vez de especificar os nomes de host aqui, você pode usar curingas, faixas de endereços de rede ou apenas o nome de domínio da sua rede. Digite as opções de exportação adequadas ou mantenha o padrão, que funciona bem na maioria das configurações. Para obter mais informações sobre a sintaxe usada na exportação de compartilhamentos NFS, leia a página de manual sobre exports.

  6. Clique em Concluir.

    O servidor NFS que mantém as fontes de instalação do SUSE Linux é inicializado automaticamente e integrado ao processo de inicialização.

Se você preferir exportar manualmente as fontes de instalação por NFS em vez de usar o módulo de servidor NFS do YaST, proceda da seguinte maneira:

  1. Efetue login como Root.

  2. Abra o arquivo /etc/exports e digite a seguinte linha:

    /versão_do_produto *(ro,root_squash,sync)

    Isso exporta o diretório /versão_do_produto para qualquer host que faça parte desta rede ou para qualquer host que possa se conectar com este servidor. Para limitar o acesso a este servidor, use máscaras de rede ou nomes de domínio em vez do curinga geral *. Consulte a página de manual sobre export para obter detalhes. Grave e saia deste arquivo de configuração.

  3. Para adicionar o serviço NFS à lista de servidores iniciados durante a inicialização do sistema, execute os seguintes comandos:

    insserv /etc/init.d/nfsserver
    insserv /etc/init.d/portmap
  4. Inicie o servidor NFS usando o seguinte comando:

    rcnfsserver start

    Se você precisar mudar a configuração do seu servidor NFS posteriormente, modifique o arquivo de configuração e reinicie o daemon NFS com rcnfsserver restart.

Anunciar o servidor NFS por OpenSLP faz o seu endereço ser conhecido por todos os clientes da sua rede.

  1. Efetue login como Root.

  2. Digite o diretório /etc/slp.reg.d/.

  3. Crie um arquivo de configuração chamado install.suse.nfs.reg contendo as seguintes linhas:

    
    # Register the NFS Installation Server
    service:install.suse:nfs://$HOSTNAME/path_instsource/CD1,en,65535 
    description=NFS Installation Source

    Substitua caminho_fonte_inst pelo caminho real da fonte de instalação no seu servidor.

  4. Grave este arquivo de configuração e inicie o daemon OpenSLP usando o seguinte comando:

    rcslpd start

Para obter mais informações sobre OpenSLP, consulte a documentação do pacote localizada em /usr/share/doc/packages/openslp/ ou consulte o Capítulo 19, Serviços SLP na rede.

1.2.3. Configuração manual de uma fonte de instalação FTP

Criar uma fonte de instalação FTP é muito semelhante à criação de uma fonte de instalação NFS. As fontes de instalação FTP podem ser anunciadas na rede também usando OpenSLP.

  1. Crie um diretório que mantenha as fontes de instalação como descrito na Seção 1.2.2, “Configuração manual de uma fonte de instalação NFS”.

  2. Configure o servidor FTP para distribuir o conteúdo do seu diretório de instalação:

    1. Efetue login como root e instale o pacote pure-ftpd (um servidor FTP simples) usando o gerenciador de pacotes do YaST.

    2. Digite o diretório raiz do servidor FTP:

      cd /srv/ftp
    3. Crie um subdiretório que mantenha as fontes de instalação no diretório raiz do FTP:

      mkdir fonte_inst 

      Substitua fonte_inst pelo nome do produto.

    4. Copie o conteúdo de todos os CDs de instalação no diretório raiz do servidor FTP (semelhante ao procedimento descrito na Seção 1.2.2, “Configuração manual de uma fonte de instalação NFS”, Passo 3).

      Como alternativa, monte o conteúdo do repositório de instalação já existente no ambiente raiz de mudanças do servidor FTP:

      mount --bind caminho_fonte_inst /srv/ftp/fonte_inst

      Substitua caminho_fonte_inst e fonte_inst pelos valores correspondentes à sua configuração. Se precisar tornar os valores permanentes, adicione-os a /etc/fstab.

    5. Inicie pure-ftpd:

      pure-ftpd &
             
  3. Anuncie a fonte de instalação por OpenSLP, se for suportado pela configuração da sua rede:

    1. Crie um arquivo de configuração chamado install.suse.ftp.reg em /etc/slp/reg.d/ com as seguintes linhas:

      
      # Register the FTP Installation Server
      service:install.suse:ftp://$HOSTNAME/srv/ftp/instsource/CD1,en,65535 
      description=FTP Installation Source

      Substitua fonte_inst pelo nome real no diretório da fonte de instalação do seu servidor. A linha service: deve ser digitada como uma linha contínua.

    2. Grave este arquivo de configuração e inicie o daemon OpenSLP usando o seguinte comando:

      rcslpd start 
             

1.2.4. Configuração manual de uma fonte de instalação HTTP

Criar uma fonte de instalação HTTP é muito semelhante à criação de uma fonte de instalação NFS. As fontes de instalação HTTP podem ser anunciadas na rede também usando OpenSLP.

  1. Crie um diretório que mantenha as fontes de instalação como descrito na Seção 1.2.2, “Configuração manual de uma fonte de instalação NFS”.

  2. Configure o servidor HTTP para distribuir o conteúdo do seu diretório de instalação:

    1. Instale o servidor Web do Apache como descrito na Seção 26.1.2, “Instalação”.

    2. Digite o diretório raiz do servidor HTTP (/srv/www/htdocs) e crie um subdiretório que manterá as fontes de instalação:

      mkdir fonte_inst 

      Substitua fonte_inst pelo nome do produto.

    3. Crie um link simbólico do local das fontes de instalação para o diretório raiz do servidor Web (/srv/www/htdocs):

      ln -s /caminho_fonte_inst /srv/www/htdocs/fonte_inst
    4. Modifique o arquivo de configuração do servidor HTTP (/etc/apache2/default-server.conf) para fazê-lo seguir links simbólicos. Substitua a seguinte linha:

      Options None

      por

      Options Indexes FollowSymLinks
    5. Recarregue a configuração do servidor HTTP usando rcapache2 reload.

  3. Anuncie a fonte de instalação por OpenSLP, se for suportado pela configuração da sua rede:

    1. Crie um arquivo de configuração chamado install.suse.http.reg em /etc/slp/reg.d/ com as seguintes linhas:

      
      # Register the HTTP Installation Server
      service:install.suse:http://$HOSTNAME/srv/www/htdocs/instsource/CD1/,en,65535 
      description=HTTP Installation Source

      Substitua caminho_fonte_inst pelo caminho real da fonte de instalação no seu servidor. A linha service: deve ser digitada como uma linha contínua.

    2. Grave este arquivo de configuração e inicie o daemon OpenSLP usando rcslpd restart.

1.2.5. Gerenciando uma fonte de instalação SMB

Com o SMB (Samba), é possível importar as fontes de instalação de um servidor Microsoft Windows e iniciar a distribuição do Linux mesmo sem nenhuma máquina Linux.

Para configurar um Compartilhamento Windows exportado mantendo as suas fontes de instalação do SUSE Linux, proceda da seguinte maneira:

  1. Efetue login na sua máquina Windows.

  2. Inicie o Explorer e crie uma nova pasta que manterá toda a árvore de instalação e denomine-a INSTALAR, por exemplo.

  3. Exporte este compartilhamento de acordo com o procedimento descrito na sua documentação do Windows.

  4. Digite este compartilhamento e crie uma subpasta, denominada produto. produto deve ser substituído pelo nome real do produto (SUSE Linux neste caso).

  5. Copie cada CD do SUSE Linux em uma pasta separada e denomine essas pastas CD1, CD2, CD3 etc.

  6. Digite o diretório superior do compartilhamento exportado (INSTALAR, neste exemplo) e copie os seguintes arquivos de produto/CD1 para esta pasta: content, media.1, control.xml e boot.

  7. Crie uma nova pasta em INSTALAR e denomine-a yast.

    Digite a pasta yast e crie os arquivos order e instorder.

  8. Abra o arquivo order e digite a seguinte linha:

    /NLD/CD1 smb://usuário:senha@nome_do_host/produtoCD1

    Substitua usuário pelo nome de usuário que você usa na máquina Windows ou use Guest para habilitar o login de convidado a este compartilhamento. senha deve ser substituído por sua senha de login ou qualquer outra string para login de convidado. nome_do_host deve ser substituído pelo nome de rede da sua máquina Windows.

  9. Abra o arquivo instorder e digite a seguinte linha:

     /produto/CD1

Para usar um compartilhamento SMB montado como fonte de instalação, proceda da seguinte maneira:

  1. Inicialize o destino de instalação.

  2. Selecione Instalação.

  3. Pressione F3 e F4 para obter uma seleção de fontes de instalação.

  4. Escolha SMB e digite o nome ou endereço IP da máquina Windows, o nome de compartilhamento (INSTALAR, neste exemplo), nome de usuário e senha.

    Depois que você pressionar Enter, o YaST será iniciado e você poderá executar a instalação.